domingo, setembro 30, 2007

O verdadeiro herói

«Acho que o país está doido!», disse Santana Lopes na SIC notícias, e saiu a meio de uma entrevista em protesto por lhe cortarem a palavra para cobrir, em directo, a chegada de Mourinho a Lisboa. Como escreveu Brecht, há homens que lutam toda a vida e se tornam imprescindíveis. Outros têm momentos inspirados numa vida pública errática e merecem, por uma vez, o nosso aplauso. Mas chamá-los heróis é abusivo. Herói, improvável ou não, é Obélix.

Etiquetas: ,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home