segunda-feira, julho 23, 2007

A minha utopia geo-político-cultural



Tal como Saramago, eu também tenho uma utopia geo-político-cultural. Primeiro passo: dar a independência à Madeira. Melhor: negociar com Espanha e trocar a Madeira pelas Canárias. Depois formar a Federação Hispânico-Atlântica. Os portugueses do continente integrariam a FHA, juntamente com a Galiza, os Açores, as Canárias e Cabo Verde. Os espanhóis tinham de resolver o problema do país basco, suportar a Madeira e aturar Saramago. Alguém duvida de que ficávamos a ganhar?

Etiquetas: , ,

2 Comments:

Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

belissimamente apanhado :)

12:37 da manhã  
Anonymous Quero fugir disso... disse...

Esta parece a utopia mais triste que já conheci. Açoreanos e galegos!!!Que matéria prima mais fraca para uma utopia. Bom...pode sempre tentar no Second Life.

8:29 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home