sábado, janeiro 20, 2007

Almanaque do Povo

Aprender com os mais velhos: Se há quem ache que toda a modernice é invenção de Belzebu, também há quem abrace a novidade sem preconceitos e com entusiasmo: a norte-americana Millie Garfield (81), o canadiano Don Crowdis (93), o sueco Alan Lööf (94), e a galega Maria Amelia (95) perfilham a segunda perspectiva, e não lhes falta que dizer. Mais que a vida longa, têm em comum um certo sentido de humor e uma desarmante frontalidade. A propósito, alguém sabe quem é o mais velho blogger português?

Destaque: para o colectivo Bem Pelo Contrário, adversativo desde Outubro de 2006.

Adufe, v. 4.0: para quem anda distraído, como nós, aqui fica a nova morada do Adufe.

Na Terra dos Cedros: como é possível ser desconhecido o paradeiro de Rute Monteiro há mais de três meses? Mais pormenores no blogue de Olavo Aragão. Seguiremos esta história com atenção.

Readiness is All [rosas para Meg]: Maria Elisa Guimarães já cá não está. Muitos de nós tiveram a felicidade de se cruzar com o seu espírito atento e caloroso, aqui pela rede. Vai com Deus, Meg. Outros votos e outras vozes, aqui e aqui, e não só.

Etiquetas:

6 Comments:

Anonymous Anónimo disse...

Aqui ficam outras sugestoes para o sempre interessante almanaque da Ana Cláudia:

Sobre a actriz e engenheira Hedy Lamar que foi a percursora do 3G:

http://teleobjetivo.monteagudo.net/archives/2007/01/15/hedy-lamar-la-precursora-de-la-telefonia-3g/

http://www.faq-mac.com/bitacoras/todas/?p=240


Um dos vários blogs da catalã Kahlo, blogger fantástica que criou a sua própria pin-up blogger:

http://dadanoias.blogspot.com/


The Lonely Tree of Ténéré
http://www.damninteresting.com/?p=772


Descobrir novas bandas com o Eric desde Aurora, Illinois:

http://www.canyouseethesunset.com/


Um dos meus sites fundamentais, o Ubuweb (a completely independent resource dedicated to all strains of the avant-garde, ethnopoetics, and outsider arts):

http://www.ubu.com/


Escutar o lugar (Unha aproximación ao son dun lugar é unha aproximación ao seu patrimonio. Percibir, comprender e concibir a nosa identidade sonora, a dos nosos lugares e as nosas xentes, a súa coherencia e idiosincrasia, é un exercicio necesario e saudable. Escoitar.org é un proxecto de dinamización social aberto e libre cuxo obxectivo principal é a difusión e promoción do fenómeno sonoro e a súa exploración con fins sociais e documentais. Podes participar engadindo as tuas gravacións.):

http://www.escoitar.org/

10:41 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Muito grata pelas sugestões, anónimo/a.

9:44 da tarde  
Anonymous Paulo José Miranda disse...

Muito obrigado pela Meg!

Bem haja.
Abraço

1:55 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Paulo,
um abraço sentido.

10:52 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

http://www.gardenal.org/inagaki/2007/01/a_morte_e_a_naomorte_de_maria.html

3:02 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

grata, anónimo

5:05 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home