terça-feira, janeiro 01, 2008

Três desejos para 2008

A pretexto de vos desejar bom ano - feliz 2008 a todos! - aqui deixo três desejos bem prosaicos que gostaria de ver realizados por todos nós no far west , digo, na west coast da Europa. Não sei se lá chegaremos por artes mágicas, iniciativa privada, acção política ou pressão social, mas gostaria mesmo muito que:

1. Encontrássemos maneira duradoura de fazer uma barrela aos graffiti. 99% são horríveis, e de Mem Martins a Vila Franca, passando pelo Chiado, mal se salva uma parede;

2. Pelo menos uma das estações televisivas exibisse semanalmente um programa de humor português que não fosse revisteiro nem se limitasse a explorar a actualidade política até à náusea;

3. Se deixasse de cuspir para o chão. A sobrevivência deste hábito insalubre no nosso país é um mistério que preferia ver extinto a ver explicado.


[Imagem: publicidade ao lançamento das obras completas de J. Verne, Le Monde Illustré, 1888]

7 Comments:

Anonymous Luci's Mom disse...

4- Que o teu colega Bruno Cardoso Reis abra os olhos...nota máxima nas apresentações e trabalhos escritos 16??...Deves ser muito bom para ficares com os 4 pontinhos para ti...Up yours!

12:05 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Luci's mom: não faço a mínima ideia do que fala, mas se quiser deixar nota em livro de reclamação escreva para o mail do blogue, que o Bruno logo decide se responde. Um comentariozinho anónimo só lhe servirá para descarregar a bílis a si e irritar-me a mim, que ando a esforçar-me bastante por manter a boa disposição, ok? Bom fim de semana

11:49 da tarde  
Blogger Pedro Picoito disse...

Hummm, desejos mui complicados. Acho mais fácil o Bruno dar 20 a toda a gente.
Bom ano novo para todos os amigos do povo.

12:46 da manhã  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Pedro, não são desejos muito criativos nem pragmáticos, eu sei, mas enfim, sonhar não custa :)

Bom 2008 para ti e todos os magritteanos, e muitos parabéns pelo Cachimbo, cada vez mais apurado.

3:15 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Caro aluno anónimo faz bem desabafar, alivia. Mas está a abusar de um espaço que nada tem que ver com o caso. Se tiver reclamações substanciadas faça-as no local próprio. Em suma, fez o equivalente da cuspidela no chão de casa alheia.

Por isso desejo-lhe que neste Ano Novo aprenda algo que pelos vistos ainda lhe falta, apesar de já ter chegado à universidade: a boa educação.

Quanto aos critérios para dar notas altas - informo com gosto o país e o mundo, pois a si não devo explicações, que aliás foram dadas e repetidas desde o início - serão talvez muito exigentes: implicam que a par de se mostrar saber o básico do que foi dito nas aulas ou nos textos de apoio, sem erros ou omissões sérias pelo meio, também se sabe algo mais, e sobretudo se sabe pensar bem pela própria cabeça.

Como serão talvez muito exigentes os desejos da Ana Cláudia. Mas se calhar isso é desconfiar demais da boa educação e do bom senso dos portugueses. De qualquer forma prepara-te porque manda a lógica que haja muitos comentadores ilustres da nossa praça a virem defender em público a grande tradição nacional da cuspidela - que nada prova que faça mal à saúde, pelo contrário - e acusar-te de fascismo sanitário.

Bom Ano a todos, principalmente aos que mais precisarem
Bruno C Reis

1:08 da tarde  
Anonymous Luci's mom disse...

tão frustradinhos que os pseudo-intelectuais são...a confusão que 4 pontos provocam...lol

5:03 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Ria, Luci's Mom, que rir faz bem à saúde. Pode ser que entre um lol e outro a libertação de endorfinas lhe patrocine um arroubo de coragem, e passe a assinar os seus [intelectualmente estimulantes] comentários.

10:49 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home