quinta-feira, outubro 12, 2006

Nobel da literatura para a Turquia

Do novo Nobel da Literatura, Orhan Pamuk, ainda não li nenhum livro. Mas o Nobel é sempre um acontecimento mediático, mesmo que não consagre um grande autor. Neste caso, trata-se de um prémio bastante «apimentado»: a Turquia ainda não entrou na União Europeia, mas já lhe ganhou no seu ponto forte, a cultura, ainda por cima num ano em que os Estados Unidos ganharam a maior parte dos prémios científicos. Mas o Poder turco não tem muitas razões para se regozijar: Pamuk tem tratado do conflito entre os valores europeus e o islamismo nos seus livros e, segundo os seus detractores com oportunismo, deu um entrevista em que denunciou o massacre arménio pelos turcos, no início do século XX. Uma curiosidade: qual será a reacção, oficial ou oficiosa, do Vaticano? Seja como for, e pegando num slogan de nuestros hermanos, «a Turquia marca».
PS Link para o site oficial de Orhan Pamuk, ainda sem notícias acerca do Nobel. Registe-se também que o escritor laureado tem um irmão historiador.

5 Comments:

Blogger Luís Aguiar Santos disse...

Talvez me escape alguma coisa, mas não percebo como é que o Vaticano "aterra" neste assunto...

4:37 da tarde  
Blogger João Miguel Almeida disse...

É apenas uma curiosidade. O Vaticano costuma pronunciar-se sobre os premiados e chegou mesmo a criticar Dario Fo quando ele recebeu o Nobel. Além disso, Bento XVI desloca-se em breve à Turquia, a polémica sobre a citação do Paleólogo está fresca e a entrada da Turquia na Europa na ordem do dia. Tal como o tão apregoado «diálogo de culturas» e destas com as religiões. A minha curiosidade maior é mesmo em ler os romances do autor.

5:41 da tarde  
Blogger João Miguel Almeida disse...

Salvo erro o Bruno escreveu um post sobre um romance de Pamuk no início do ano. Talvez valesse a pena recuperar o texto?

5:58 da tarde  
Blogger João Pedro disse...

O post em questão é este, e data de 7 de Fevereiro (não sei se este link em baixo leva lá directamente)

http://o-amigodopovo.blogspot.com/2006/02/o-meu-nome-vermelho.html

1:57 da manhã  
Blogger bruno cardoso reis disse...

Obrigado pela lembrança João Almeida e João Pedro. Talvez escreva algo a propósito, mas ando há procura de um linque perdido...

12:31 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home