terça-feira, abril 25, 2006

Alberto João Jardim e o “25 de Abril”

Os “donos” do “25 de Abril” têm andado muito indignados com o facto de Alberto João Jardim e o PSD Madeira terem decidido que não se fariam comemorações oficiais da “revolução” naquela região autónoma. Fazem mal – e não apenas por causa de declarações patéticas como as proferidas por Vasco Lourenço ontem à noite em Quarteira. Fazem mal porque dão o sinal claro de que ainda não perceberam para que é que, pensávamos todos, tinha sido feito o “25 de Abril.”
Eu explico: o “25 de Abril” foi feito para que, sobretudo, se tivesse a liberdade. Desde logo liberdade para do “25 de Abril” se poder dizer o pior possível. Do “25 de Abril” e de Alberto João!

6 Comments:

Anonymous Cristina Ribeiro disse...

Bem "apanhado",Fernando!!!

10:37 da tarde  
Anonymous Fernando S disse...

"Liberdade" não significa a mesma coisa nas bocas de uns e de outros !...

10:40 da manhã  
Blogger Ricardo Alves disse...

Não há regime nenhum que sobreviva quando os seus mais importantes eleitos acham que o regime não merece ser celebrado. É esse o equívoco de Alberto João Jardim, que não é propriamente presidente de uma Junta de Freguesia.

3:32 da tarde  
Blogger Luís Aguiar Santos disse...

As palavras do Ricardo Alves são válidas, presume-se, para os republicanos históricos portugueses que, há cem anos, fizeram tanto ou mais que Alberto joão Jardim contra o regime da época... É um problema de precedentes.

5:58 da tarde  
Blogger Ricardo Alves disse...

Luís Aguiar Santos,
não tenho (tinha?) conhecimento da simpatia de Alberto João Jardim pela causa monárquica. ;)

12:08 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Agora eu pergunto-vos o que é o 25 de Abril, para que serviu?
Se não souberem a resposta pesquizem...
Logo que saibam o significado do 25 de abril vao perceber que foi precisamente o 25 de abril que nos conferiu liberdade de escolha, e esta liberdade dá-nos o direito de de escolher celebrar, ou não o 25 de abril...
O que o país precisa e k s começe a trabalhar e que se deixem as comemorações... o que o pais precisa é trabalho, não é festas, nem feriados, mt menos comemoraçoes...
Quanto às "bocas" de AJJ acho muito bem que assim seja! Aí tds usam palavras caras, que a maior parte da população nem sabe o k significam, palavras que só servem para enganar o povo... Na madeira usam-se palavras a que todos têm acesso, os cubanos ameaçam ameaçam e nao os vejo fazer nada... No continente ninguem usa "palavroes" mas tb ninguem faz nada!

Talvez se se deixassem d rodeios e fossem directos, se dissessem o k realmente pensam o país seguiria em frente.
O k o pais precisa e mts albertos joao jardins!

9:36 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home