segunda-feira, março 27, 2006

Isto é muito pior que o "Maio de 68"


Aquilo a que estamos assistir em França é um "Maio de 68" sem fim, mas pior que os acontecimentos de 1968. Por um lado, como é defendido aqui, é verdade que este tipo de desordens públicas faz parte da vida política francesa há muito tempo. É um género de escape de um sistema político centralizado e proteccionista e que, para lá da retórica inclusiva, tem privilegiados barulhentos e prejudicados confundidos. Mas o problema agora é que o Estado Social francês está prestes a entrar em ruptura, o que é o oposto da situação económica de 1968. Nesse ano, a conversa era puramente ideológica e devia-se a uma explosão de jovenzinhos aborrecidos com o conforto e a afluência dos "Trinta Gloriosos"; hoje, há na sociedade francesa problemas reais - e muito graves - que não encontram qualquer resposta sensata de políticos fracos (quando não imbecis) e de uma opinião pública completamente empaturrada de tanta demagogia que já não consegue pensar (e reagir) para além dela.

Publicado em L&LP, AP e CL

1 Comments:

Blogger e-konoklasta disse...

O vosso artigo, é um mau artigo, a começar pelo título. Depois, se é um artigo de informação, devia limitar-se a factos. Se é opinião, meus amigos, é melhor reciclarem-se, o que aqui vejo é um debitar de superficialidades, sem o conhecimento efectivo da realidade económica e social francesas. Não basta dizer o que se diz um pouco por todo o lado sob a influência do próliberalismo-anglo-saxónico.

12:30 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home