terça-feira, janeiro 23, 2007

Saloiada.

Uma intolerável e ilegítima intromissão de um país estrangeiro – mesmo que da União Europeia – na vida política portuguesa? Ou uma idiotice política praticada por uma parlamentar europeia eleita nas listas do Partido Socialista? Ainda assim, e mesmo que pouco, o “NÃO” agradece.
Por mim, e ao ler a notícia sobre esta evocação da autoridade moral e política do parlamento dinamarquês, autoridade esfuziantemente aproveitada por Edite Estrela, só posso concluir pelo seu provincianismo. O da Dra. Edite, está bem de ver, porque o dos nórdicos não me interessa. Conclusão: Edite Estrela virá de lá, da Europa, exactamente como para lá foi. Sem um átomo de “aculturação” naquele cérebro saloio. Mais um caso de desperdício de recursos pagos por nós e pela "Europa".

12 Comments:

Anonymous Anónimo disse...

Inteiramente de acordo.

Pobres de espírito como esta nulidade nem com um estágio no PE têm melhoras de qualquer espécie.

6:00 da tarde  
Blogger Cláudia disse...

Inteiramente em desacordo.

Eu gosto de saber a opinião de outros países...

Independentemente de vir da Edite Estrela ou não...

Podias explicar um bocado melhor. Porque se calhar estou errada. E não percebi bem a tua opinião...

6:58 da tarde  
Anonymous Rui Rocha disse...

Nem mais.

Deixo um outro link: http://daliteratura.blogspot.com/2007/01/o-apelo-dinamarqus.html

Um abraço

7:15 da tarde  
Blogger Fernando Martins disse...

Basicamente, Cláudia, acho uma patetice que se pretenda reforçar uma opinião, legítima aliás, impressionando a audiência evocando uma opinião de um país mais "evoluído" e, no caso, do seu parlamento, que nada tem que se envolver e que ver com o assunto. É uma parolada, da parte de Edite Estrela - e já agora do parlamento dinamarquês (presumindo que se pronunciou) - tanto a evocação da autoridade como a substância do argumento.

10:45 da tarde  
Blogger Cláudia disse...

Eu não concordo. Mas enfim...não podemos estar todos de acordo.

E se a ideia dos dinamarqueses fosse proteger as mulheres? Independentemente de serem portuguesas, dinamarquesas, chinesas...

Eu gosto muito deste blog mas acho que o saloio desta vez foste tu.

Os portugueses ficam tão ofendidos quando ouvem conselhos vindos de fora. A mim parece-me orgulho.

9:30 da manhã  
Blogger Fernando Martins disse...

Cláudia, em política não há conselhos. Excepto conselhos de ministros, conselhos de segurança e coisas do género.
E quanto a não estarmos de acordo, paciência! Fica para a próxima.

10:16 da manhã  
Blogger Cláudia disse...

Ok, e tu és melhor que eu por causa de um erro de ortografia.

Não me parece que estejas muito habituado a que discordem de ti neste blog. És amigo do povo, ou do teu povo?

11:27 da manhã  
Anonymous Errio de Ortografia disse...

Erro de ortografia? Eh Eh! Les beaux esprits (Edite e Cláudia) se rencontrent...

12:03 da tarde  
Anonymous erro de ortografia disse...

(isto é o que faz o 'i' e o 'o' serem vizinhos)

12:05 da tarde  
Blogger Fernando Martins disse...

Erros de ortografia? Quais? E não me parece que não goste que não gostem daquilo que escrevo. Mas enfim!

3:11 da tarde  
Blogger Cláudia disse...

És muito agressivo. E é essa mensagem que passa.

4:08 da tarde  
Blogger Fernando Martins disse...

Por trás da minha (suposta) agressividade esconde-se um coração de ouro. É o que dizem todos os que me conhecem.

4:11 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home