quarta-feira, novembro 15, 2006

Ana Lítica

É mais grave não ter um leitor mp3 ou não ter uma máquina fotográfica digital?

[Dolmen, Mezio]

10 Comments:

Anonymous Formiguinha disse...

Bom, pessoalmente considero a máquina fotográfica imprescindível. O mp3 não me faz falta nenhuma, nem sequer tenho...

Jinhos e as melhoras***

5:28 da tarde  
Blogger Luís Aguiar Santos disse...

Em qualquer dos casos, estou tramado... :)

5:40 da tarde  
Blogger Raimundo disse...

Depende das prioridades de cada um: queremos levar para casa a imagem roubada à socapa do decote generoso da nossa colega de trabalho ou ignorar as obscenidades proferidas ininterruptamente pelo nosso colega do lado que é membro da Juve Leo, assina uma revista de tunning, ainda vive com a mãe e acha-se a pessoa mais indicada para nos dar conselhos sentimentais?

6:20 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Grave mesmo é não ter um preservativo à mão.

6:27 da tarde  
Blogger Pearl Fosky disse...

Nenhum e grave!!! :)
Quanto ao preservativo, espero que nao fique na mao...isso seria grave...ou greve...talvez...

6:57 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Formiga,
de outra forma, como poderíamos usufruir da "Guerra das Macros", ou da "Tele-Foto-Bicho-Novela"? Beijos, obrigada

Luís,
somos dois. Uma pessoa que não liga ao último gadget e olham-nos como se andássemos de biface em punho;

Pearl, vou espreitar o tal do "kiwi", já volto :)

Sr. Anónimo,
a propósito desse domínio tão específico e tecnológico que refere (mas tão diferente do que aqui falávamos, afinal a ilustração do post é um dolmen, não um menir), e segundo o noticiário de hoje, (http://www.rtp.pt/index.php?article=260029&visual=16), há por aí coisas graves, há.

7:44 da tarde  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Raimundo,
ora aí está um dilema da vida real. É caso para pedir a São Nicolau que seja generoso :)

7:47 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

pessoalmente penso que é bastante mais grave nao ter um leitor de mp3. a razao é muito simples: recordo que antes andava com um par de cassetes no bolso. depois passei a andar com vários pares de CDs. hoje ando com mais de 10 mil cançoes e ainda faltam algumas para encher os 80 Gb do leitor. e entao já nem vos conto que bom que é nao ter de andar com parte da colecçao de discos às costas quando viajo.

todas as vantagens da máquina fotográfica digital, em relaçao à sua antecessora, nao sao, a meu ver, tao grandes se compararmos com os leitores de mp3. mas claro, tudo de depende da paixao de cada um...

5:40 da manhã  
Blogger Ana Cristina Ferreira disse...

Não tenho nem MP3, nem máquina fotográgica digital.
Penso que nos tempos que correm o grave é não ter internet. Já não consigo viver sem ela.

11:36 da manhã  
Blogger Ana Cláudia Vicente disse...

Já vejo que as opiniões vareiam bastante. Eu continuo sem me decidir. Ana Cristina, de facto, tem razão, sem estar em rede é que é difícil, nos dias que correm :)

12:27 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home