quinta-feira, julho 10, 2008

Da nudez

As palavras de Henrique Medina Carreira no Jornal da Noite de ontem, na SIC, representam porventura o retrato mais cru que já ouvi sobre o governo de José Sócrates e sobre a democracia portuguesa. Entre algum excessivo pessimismo do restante discurso, pareceram-me muito justas as críticas à comunicação social: "Essa palhaçada que vocês me levam a casa todos os dias". Isto demonstra bem o espírito acrítico e comercialista do jornalismo português o qual, salvo raras excepções, contribui em muito para o comodismo e para a futilidade do pensamento actual sobre a realidade do país. Ao ouvir as suas palavras, dei por mim a pensar que nunca tinha visto certas coisas dessa forma. Independentemente de concordar com Medina Carreira, as suas declarações acrescentam algo à minha reflexão, fenómeno bem diverso dos telejornais que vejo quase todos os dias.

3 Comments:

Anonymous José Freixo disse...

"Essa palhaçada que vocês me levam a casa todos os dias" quer dizer que existem uns palhaços que fazem a palhaçada e outros que a divulgam. Nos entanto os autores principais das palhaçada são os politicos, que investem fortemente nela e só depois a comunicação social. O o sr. Medina Carreira também não está a fazer o numero do palhaço pobre?

9:52 da manhã  
Blogger Jorge Revez disse...

Caro José:
Essa hipótese do palhaço pobre é válida, mas o meu post visava apenas realçar uma certa falta de espírito crítico que encontramos na comunicação social de hoje. Esta transmite-nos uma imagem do país à imagem do que as agências de comunicação produzem, sem acrescentar algo que nos faça pensar um pouco mais além do que aquilo que estamos a assistir.
Mas é claro que o problema de base é o mesmo: as tácticas utilizadas na política, e que não são logicamente de hoje, não passam por vezes de mera propaganda barata, perante a qual a comunicação social não se pode limitar a "divulgar".
Cumprimentos,
Jorge

1:00 da tarde  
Anonymous José Freixo disse...

Caro Jorge,
Não há razão lógica para que na comunicação social portuguesa exista um grau de excelencia maior do que nas outras actividades em Portugal. Se é verdade o que diz na maioria dos casos, tambem há (em reduzido numero) quem produza informação e noticias reais, novas, com qualidade, contexto e responsabilidade. Eu procuro-a e não é fácil, mas dificilmente a vai encontrar nos telejornais das tvs portuguesas.

8:16 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home