quinta-feira, março 09, 2006

A coabitação incerta

Sobre o discurso de Cavaco Silva não há muito a escrever e Constança Cunha e Sá já o escreveu aqui. Num ponto estou de acordo com Luís Aguiar Santos: socialismo democrático e social-democracia são duas expressões para a mesma ideia. E Cavaco Silva é um social-democrata. O que o distingue dos socialistas é mais a forma do que o conteúdo. Ou o muito português «diz-me com quem andas dir-te-ei quem és». Se Cavaco se afasta da social-democracia é por pragmatismo, não por convicções ideológicas de direita. A mesma atitude tem Sócrates em relação ao socialismo. Ambos fizeram as mesmas promessas e farão tudo para atingir os mesmos objectivos. O problema é se os objectivos de aumentar a competitividade e baixar o desemprego não forem atingidos. Nesse caso, a tentação de cada um acusar o outro de «força de bloqueio» será muito forte.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home