sexta-feira, outubro 31, 2008

Leituras matinais

A questão do entrismo nada tem de novo, imaginar que é agora que reaparece... o verdadeiro entrismo de PCP e BE está feito há muito. Consistiu em entrar nos parlamentos (nacional e europeu), esses órgãos ao serviço dos interesses burgueses. A ideia de dar cabo do PS, essa, é tão velha como o seu falhanço, só isso.
Já a propósito de coisas discutidas ontem, na agenda pós-laboral, vale a pena mencionar este artigo. O trânsito de ideias é o que faz a liberdade, daí a importância de se observar o código da realidade.

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home