sexta-feira, março 09, 2007

Manual Único Europeu

Sou contra por ser único, não por ser europeu. Aliás, a haver um manual único até seria melhor que fosse europeu para evitar paroquialismos nacionalistas acríticos.
Mas seria útil trabalhar na discussão conjunta de currículos, precisamente para tornar mais difíceis essas derivas nacionalistas. E apostar na criação materais comuns sobre a história da Europa que poderiam estar disponíveis on-line e ser usados como os professores entendessem.
PS - Parece que se prepara a fusão da história e da geografia pelo menos durante parte do secundário (ou lá como é que isso agora se chama.) Eu julgava que o país estava muito preocupado com a falta de conhecimento histórico. É que se isso for verdade, não estou a ver como é que lidará com essa chaga, quando parte do tempo lectivo actualmente disponível, e pelo vistos insuficiente, passará a ser ocupado por outra disciplina completamente diferente.

2 Comments:

Anonymous Anónimo disse...

Secondário não é certamente e chuva não bate assim.

1:07 da tarde  
Blogger bruno cardoso reis disse...

É secondary anonymous, mas obrigado na mesma: está devidamente corrigido e fica melhor assim.

2:54 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home