segunda-feira, setembro 01, 2008

Presentes!

Várias forças policiais lançaram uma série de acções de fiscalização em vários núcleos urbanos do país que tentaram dar um sinal à população de que está activa e actuante. No entanto, estas acções não deixam de ter um carácter pernicioso: por um lado, produzem associações entre a criminalidade grave e determinados grupos e bairros típicos e estigmatizados que se encontram já marginalizados socialmente e, por outro lado, potencia clivagens e medos mútuos donde saem as superpolícias como soluções mágicas.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home